busca
Autoescola Insular
15 Nov 2018 - 15 Nov 2018
15:00 - 18:00
Pavilhão da Bienal (3º andar)
13 Nov 2018 - 13 Nov 2018
15:00 - 19:00
Pavilhão da Bienal (2º andar) Espaço de encontro 2
12 Oct 2018 - 12 Oct 2018
16:00 - 17:00
Pavilhão da Bienal (2º andar) Espaço de encontro 2

A Autoescola Insular é um espaço de autoaprendizagem e investigação prática que integra a Programação Pública da 33ª Bienal e se inicia antes da mostra, aproveita as oportunidades oferecidas pelas semanas prévias de montagem e se prolonga no tempo, até seu encerramento. É concebido e coordenado pelo artista Rafael Sánchez-Mateos Paniagua em colaboração com Eneas Bernal (acompanhamento) e da equipe da Fundação Bienal de São Paulo (pesquisa, educação, produção e comunicação).

Animação: Coleção de amuletos do Museo del Pueblo Español. Vinculada ao projeto da Autoescola Insular, proposta pelo artista Rafael Sánchez-Mateos Paniagua para a #33bienal

15 Nov 2018 - 15 Nov 2018
15:00 - 18:00
Pavilhão da Bienal (3º andar)

Caminhada ao longo do tempo, com Rita Mendonça

Em uma caminhada de 4.600 metros pelo Parque Ibirapuera, os participantes conhecerão um pouco da história da vida na Terra, do ritmo em que os fenômenos se expressaram até chegar à nossa experiência atual, de vida urbana, industrializada e globalizada. Saindo do 3ª andar do Pavilhão da Bienal, cada metro percorrido representará a passagem de 1 milhão de anos. Durante a caminhada, serão propostos alguns exercícios de percepção, visando uma conexão cada vez mais profunda com os processos vivos que observamos e dos quais, ao mesmo tempo, fazemos parte. Compreender e vivenciar essa conexão é fundamental para todas as pessoas, em especial no momento em que vivemos grandes mudanças no clima. Depois de um percurso pelo Parque, o grupo retornará ao piso térreo do Pavilhão da Bienal. A caminhada foi desenvolvida pelo professor Stephan Harding, do Schumacher College.

INSCREVA-SE

13 Nov 2018 - 13 Nov 2018
15:00 - 19:00
Pavilhão da Bienal (2º andar) Espaço de encontro 2

Oficina Modo Operativo AND

Através de diversos exercícios que põem num mesmo plano o pensar e o fazer, o Modo Operativo AND - desenvolvido por Fernanda Eugenio - permite a investigação direta e experiencial dos mecanismos singulares e coletivos da convivência, propondo ferramentas concretas para potencializar processos de colaboração, co-­aprendizagem e negociação da convivência. Nomeadamente, permite perceber padrões comportamentais e tendências relacionais, contribuindo para o desenvolvimento de capacidades de auto-­regulação emocional, de auto-gestão da atenção (seleção, focalização e coordenação dos estímulos), e de tomada de decisão e execução consequentes. No âmbito da oficina, a interface ‘jogo de tabuleiro’ é aquela que serve de base à partilha. Neste jogo não há regras pré-estabelecidas mas sim regras imanentes, que emergem do próprio jogar, ou seja, do co-posicionamento e da co-responsabilização de quem participa. Através de um trabalho de dobra-e-desdobra e de manuseamento direto da materialidade dos acontecimentos, é possível ‘pensar com as mãos’ as questões da convivência, da sustentabilidade, da criatividade, da tolerância e da reciprocidade. A oficina será mediada por Naiá Delion e contará com a exibição do vídeo O Modo Operativo AND & a Escola de Verão AND. Saiba mais sobre o AND_Lab

INSCREVA-SE

12 Oct 2018 - 12 Oct 2018
16:00 - 17:00
Pavilhão da Bienal (2º andar) Espaço de encontro 2

Conversa com Ulrich Schötker

O educador alemão apresenta sua experiência com mediação em exposições de arte. Ulrich Schötker estudou arte-educação, belas artes, literatura alemã e medialogia (media studies) em Kassel, Londres e Madri. Também trabalhou como professor em Berlim e Madri, onde foi um dos fundadores do espaço Liquidação Total, em 2002. Entre 2004 e 2008 foi pesquisador na Universidade de Hamburgo e investigou a relação entre arte-educação e educação em museus. Foi co-curador de WALDEN #3 - oder Das Kind als Medium (WALDEN #3 - ou a criança como meio) na Kusthaus Dresden. Dirigiu o programa educativo da documenta 12 (2007). Atualmente trabalha como professor em Hamburgo.