A mostra teve entrada gratuita, política que seria incorporada a todas as edições dali em diante. Obras de Cabelo, Chelpa Ferro, Laura Vinci e outros marcaram a entrada de uma nova geração na cena artística. Mais uma vez, afirmou-se o caráter eminentemente contemporâneo do evento, que apresentou obras, na sua maioria, produzidas entre 2002 e 2004 – considerando-se que pelo menos 1/3 da mostra apresentou projetos site-specific elaborados especificamente para o Pavilhão da Bienal.

25 de setembro - 19 de dezembro de 2004

Presidente da Bienal: Manoel Francisco Pires da Costa
Curador-geral: Alfons Hug

Salas especiais

Artur Barrio, Beatriz Milhazes, Cai Guo-Qiang, Eugenio Dittborn, Huang Yong Ping, Luc Tuymans, Paulo Bruscky, Thomas Struth.

Cartaz da 26ª Bienal de São Paulo. Autor: Ziraldo

  • Evento paralelo

  • Fotografia Africana
5ª Bienal de São Paulo
02 2014
4ª Bienal de São Paulo
04 2013
24ª Bienal de São Paulo
15 2013
26ª Bienal de São Paulo
24 2012
5ª Bienal de São Paulo
03 2012
16ª Bienal de São Paulo
27 2012
26ª Bienal de São Paulo
15 2012
5ª Bienal de São Paulo
26 2011
24ª Bienal de São Paulo
29 2011