menu
  • 57 Veneza
15 Maio 2017
Pavilhão do Brasil recebe menção honrosa na 57ª Bienal de Veneza
Riccardo Tosetto/Fundação Bienal de São Paulo
Segundo o júri, o pavilhão foi exitoso por apresentar “uma instalação que produz um espaço enigmático e desequilibrado no qual não podemos nos sentir seguros"

A representação oficial do Brasil na 57ª Bienal de Veneza, com trabalho da artista Cinthia Marcelle e curadoria de Jochen Volz, recebeu menção honrosa do júri internacional da mostra.

Segundo o júri da Bienal de Veneza, o Pavilhão do Brasil foi exitoso por apresentar “uma instalação que produz um espaço enigmático e desequilibrado no qual não podemos nos sentir seguros. Tanto a estrutura da instalação como o vídeo de Cinthia Marcelle em parceria com o cineasta Tiago Mata Machado evocam as preocupações da sociedade brasileira contemporânea.”

A realização da obra ‘Chão de Caça’ e a composição do pavilhão do Brasil são frutos do trabalho articulado por diferentes atores, sob a liderança da Fundação Bienal de São Paulo e os Ministérios da Cultura e Relações Exteriores.

33ª Bienal de São Paulo
31 Outubro 2017
33ª Bienal de São Paulo
31 Outubro 2017
33ª Bienal de São Paulo
09 Junho 2017
32ª Bienal de São Paulo
21 Fevereiro 2017
32ª Bienal de São Paulo
02 Fevereiro 2017
32ª Bienal de São Paulo
26 Dezembro 2016
32ª Bienal de São Paulo
20 Dezembro 2016
32ª Bienal de São Paulo
12 Dezembro 2016
32ª Bienal de São Paulo
28 Outubro 2016